sábado, 26 de agosto de 2017


UM GESTO DE AMOR ME AMPAROU NA MORTE

“O amor cobre uma multidão de pecados”

Enquanto permaneci sobre esta Terra não passei de um fardo pesado para meus familiares. Desde a adolescência rebelde, afeiçoei-me às sensações mundanas e aos prazeres fúteis da juventude. Logo engravidei de meu primeiro filho, mas nem por isso, emendei-me como dizia minha vozinha que me criara.
Abandonei as responsabilidades maternas a outrem, tal qual haviam feito comigo. O pai da criança nem mesmo dignou-se a conhecê-la, descrendo de sua paternidade diante de meu comportamento notoriamente promíscuo. 
Cedo conheci o mundo das drogas e na ânsia de sustentar o vício odiento, entreguei-me também a pequenos furtos e roubos na comunidade em que vivia. Afundei até onde um ser humano poderia fazê-lo, inibindo em mim mesma os sentimentos mais elevados, os quais se agasalhados em meu peito indócil, teriam-me poupado muitas desventuras e angústias. Outros filhos vieram ao mundo em decorrência de minha prostituição à qual lancei mão para o sustento do vício que me consumia visivelmente. Deixei-os, assim como o primeiro, em desamparo e, na falta de cuidados materiais, logo foram parar em abrigos de assistência social.
Minha pobre vozinha partiu antes de mim, talvez por tristeza causada por minhas atitudes e conduta desregrada.
Quando fui parar na cadeia, a primeira vez, já não tinha um lar a minha espera e pouco me importava com minha própria sorte. Conheci lá dentro religiosos que, sobriamente vestidos e bem calçados, vinham, de tempos em tempos, “pregar” o livro Santo na tentativa de resgatar nossas almas por meio da confissão e do arrependimento dos pecados.
Entre idas e vindas do cadeião conheci uma pobre mulher que, como eu, escolhera os caminhos errados. Presa, ainda grávida, veio a dar à luz a pobre e desamparada criança com insuficiência respiratória em noite de forte tempestade. Desenganada pela enfermeira plantonista foi deixada à própria sorte juntamente com sua genitora por horas a fio à espera do socorro que por razão do mau tempo tardou a aparecer.
Tocada pela cena derradeira e presa de forte sentimento que não sei explicar, velei noite a dentro mãe e filha, mantendo essa aquecida em meus braços até seu último suspiro.
Anos mais tarde, ao desencarnar, esquecida em uma cama imunda de pensão, que durante as noites transformava-se em bordel, pensei que estavam a me procurar criaturas horripilantes e  degradadas por sensações as mais vis. Encontrava-me em escuro corredor tentando fugir dos olhos tenebrosos que me espreitavam na sombra quando, de uma pequena faixa luminosa, surgiu um jovem olhar doce e amável. Estendeu-me a mão sem questionar meu passado ou minhas culpas. Apenas entrelaçou aos meus os seus suaves dedos e conduziu-me para fora daquele pesadelo horrível.
Era a criança que eu, anos atrás, acalentava junto ao meu seio, talvez o único gesto sincero de amor que tenha realizado em minha tormentosa existência. Apenas ele lá estava para me conduzir à saída, apenas este gesto bastou para que eu merecesse a misericórdia e hoje aqui estou, de passagem, para deixar com esta história a lição de que mesmo o mais acanhado gesto de amor pode determinar o futuro de cada qual.
Assim me despeço, já em prantos, aguardando nova chance nestas terras. 

Aline.
                                                         
Psicografia recebida em  2017.                                      

             Médium:  A Paula.

8 comentários:

  1. Peço oração e irradiação para Marcelo Carvalho Nouer, desencarnado em 27 de abril de 2017 e nascido em 20 de abril de 1974... Espero muito que, quando Deus permitir e nós mereçamos, que haja psicografia de meu benzinho. Obrigada

    ResponderExcluir
  2. esqueci de colocar meu email... lucianasdasillva2@gmail.com obrigada

    ResponderExcluir
  3. erica aparecida gauer26 de agosto de 2017 23:07

    Peço oraçaoēs pelo meu pai angelo cesar gauer nasceu 8:11:1954 desencarnou en 8:11 :2003 e pelo meu irmaõ oslandir gauer nasceu em 10:03:1978 e desencarnou em27:06 2013 por favor me ajuden meu pai e meu irmaõ ja desencarnado tiveran uma discussaõ minutos depois meu pai desencarnou sera wue eles ce perdoaran eles ce encontraran no mundo espiritual espero receber uma psicografia deles só assim vou acalmar meu coraçaõ

    ResponderExcluir
  4. Querido Marcos, olho todos os dias para ver se ha alguma cartinha ou recado para mim... Perdi minha irmã meu pai e sobrinha de maneira terrível preciso saber algo deles por favor ore por nós eles se chamam Fernanda Jordão Marques nome de casada Fernanda Gonçalves Jordão nome de batismo meu Pai Celso Jordão meu irmão Celso Roberto Jordão e minha sobrinha Priscilla Jordão marques sinto imensa dor na alma

    ResponderExcluir
  5. Peço orações para Wilson Ferreira de Almeida desencarnou 25/08/17 meu coração esta em frangalhos preciso saber se ele esta bem

    ResponderExcluir
  6. Por favor gostaria muito de receber notícias da minha mãezinha querida que partiu a dois anos atrás, o nome dela e Iolanda da Silva Leite, o remorso está me destruído porque minha querida mãe morreu sozinha no Brasil enquanto eu estava em outro pais ao qual é minha residência a 30 anos, ela precisava de mim mais eu não estive presente, levou 4 días Pará que o meu irmão encontra-se o corpo em deterioração na residência dela morreu sozinha. Não consigo me perdoar, preciso do perdão dela preciso que ela saiba o quanto estou sofrendo e o quanto me arrependo, estou em uma depressão profunda minha vida está caindo em um abismo sem fim. Ela faleceu de um enfarte. Estou Implorando só mestre Jesus que me de a oportunidade de ter notícias dela ou talvez de minha vovozinha Maria Luiza Santana a mãe da minha mãezinha posso me dar notícias dela pois ela já partiu a mais de 15 anos pessoa aos espírito de luz ao Bezerra de Menezes que me posso abençoar com esta oportunidade. Obrigada Mônica Nelson, uma filha com o coração partido e amargurado.,😢💔💔💔

    ResponderExcluir
  7. Já havia lido está carta, há um tempão atrás.

    ResponderExcluir
  8. Queridos amigos, em menos de 3 anos perdi um primo de um infarto e meu tio, irmã e mae de cancer. Muito confuso tudo isso. Queria muito noticias. Minha sobrinha entrou em depressão e não se recuperou. Ja tentei noticias e recebi uma mensagem da munha irma assim que perdiminha mae mas a saudade doe.

    ResponderExcluir